quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

caminhei
a caminho do emprego
sem destino.

2 comentários:

Daterra disse...

bem delicado... :)

gostei

Dinis Lapa disse...

O aumento do desemprego: as pessoas desamparadas, sem destino. Toda a preocupante realidade muito bem tratada neste haiku.

um abraço