domingo, 2 de maio de 2010

La realité...


(Clique na imagem para a tornar maior)
depasse la ficcion". Também se diz que "a vida imita os romances" e não, como se podia pensar o contrário...

Há tempos publiquei neste blog um haiku que era assim:


um pássaro

passou pela tua cabeça -

de longe sorriste.


A ideia era criar uma leitura dupla entre uma ideia feliz que nos assoma o espírito ( e que nos faz sorrir) e uma cena real que presenciei quando vi uma pessoa ao longe e o vôo de um pássaro parecendo que atravessava a cabeça.

Há pouco ao ver as fotografias que tirei em S. Petersburgo reparei que numa delas, um pássaro tinha passado pela minha cabeça. Eu sorria e ao fundo o Grande Rio Neva e Palácio de Inverno dos Czares da Rússia...

Aqui a realidade seguiu a ficção.

4 comentários:

Luz disse...

que bela prenda
teu sorriso ao longe
a ave e eu

EC disse...

Feliz a ideia da leitura dupla...mas cinco estrelas a foto!!!o culminar da ideia!!!~
Um abraço

Mari disse...

Gostei bastante da simplicidade e da ambiguidade.
Os sentimentos mais maravilhosos podem ser despertados a partir das coisas mais discretas da vida.

um abraço!!

David disse...

Obrigado pelos comentários! Um pássaro atravessar a cabeça é uma imgagem rica para o pensamento poético. Como é o pássaro, com que velocidade e ânimo vem... isso é outra história.
Mari: é isso mesmo... quanto mais simples melhor.
Um abraço!

David