sábado, 16 de outubro de 2010

De Frente para o Mar

Parece que é desta!!! Parece incrível mas este livro, tão sonhado por mim, sofreu tantos reveses para a sua edição que várias vezes pensei em desistir. Só mesmo uma vara de determinação que às vezes encontro dentro de mim me fez insistir que este livro tinha de ser editado por vezes contra toda a racionalidade. Quando se olha os factos de forma "objectiva" não parece muito difícil: há empresas a patrocinar, poetas a escrever e uma editora a editar. Parece fácil, não é? Mas não foi. Não foi mesmo e este livro custou muito mais esforço do que era preciso.
Mas as boas notícias é que em meados de Novembro estará "cá fora". Ver para crer ou melhor ver para ler. "De frente para o Mar" a primeira antologia de poesia haiku de poetas portugueses. Parece impossível!!!

6 comentários:

PapoPoetico disse...

Parabéns
talvez você se divirta em http://papopoetico.blogspot.com/
A poesia é necessária
Tudo de bom

Anónimo disse...

Excelente notícia!!! Estamos à espera!!! Parabéns! Parabéns!

Eduardo Tornaghi disse...

David,
obrigado pelas palavras gentis.A gente sabe que ama mesmo algo, quando quer partilhar não é mesmo? Volte sempre e tudo de melhor pra antologia.

David disse...

Parabéns. O seu livro realmente é resultado de um grande esforço, pois sabemos que, hoje em dia, não é tão simples publicar nossas idéias de maneira impressa, mesmo que seja de conteúdo tão rico em cultura e eloquência com as palavras. Todavia, conseguiste superar isso e espero que sempre possas seguir a superar mais e mais e desejo muito sucesso. O primeiro passo, que era romper as adversidades maiores para transformar um sonho em um projeto já foi dado. Agora é buscar mais!

Felicidades.

BAR DO BARDO disse...

Alvíssaras!

EC disse...

Parabéns pela determinação com que se entrega aos seus projectos e sonhos...
Fico à espera!!
Um abraço